dragagem do porto de Santos
Dragagem do porto de Santos ameaçada
abril 16, 2019
expansão do Porto de Santos
Expansão do Porto de Santos é planejada
maio 3, 2019
Filtrar por: Filtrar por: Blog e Portfólio Tags Tags Blog Autores Autores Blog Exibir tudo

KPIs e a importância de defini-los.

KPIs

Os KPIs (Key Performance Indicators) são essenciais para garantir o bom desempenho de sua empresa.

Através das métricas de monitoramento, tanto gestores como toda a equipe avaliam os resultados e se as metas traçadas foram cumpridas.

Além disso, asseguram o bom andamento dos processos, permitindo assim o crescimento de toda a empresa.

Com os KPIs é possível também identificar possíveis erros e como corrigí-los.

Tipos de KPIs logísticos

  1. Custo de logística

Um dos KPIs mais importantes, é nele que identificamos os gastos no faturamento da organização.

Com esse indicador, a empresa pode planejar estratégias para reduzir custos.

Também é possível fazer uma divisão, a fim de controlar de forma mais específica, por exemplo:

– custo de frete por produto;

– custo de frete por cliente;

– custo de frete por quilômetro rodado;

– custo com extravios e avarias;

– custo de trocas e devoluções.

  1. Índice de ocorrências

Através do acompanhamento dos motivos que originaram toda e qualquer falha durante o processo de transporte, é possível corrigir as falhas e evitar que as mesmas se repitam em futuras operações.

Qualquer situação que aconteça fora da previsão é tratada como uma ocorrência.

Por exemplo, extravios, devoluções, avarias, trocas.

Todos esses fatores aumentam os custos, geram retrabalhos e geram desperdício tanto de tempo quanto de produtividade.

Além disso, acaba prejudicando a reputação da empresa, deixando um aspecto negativo na experiência.

  1. Nível de serviço

Através desse KPI, sabemos onde temos problemas de cumprimento de prazos, já que ele mensura a qualidade do serviço prestado pela transportadora.

Esse KPI mostra o percentual de entregas feitas dentro do prazo, sempre em comparação com o total de envios realizados naquele mesmo período.

  1. Acuracidade no inventário

Através da acuracidade no inventário, você sabe a diferença entre a quantidade de produtos disponíveis no estoque e a quantidade registrada nos controles.

Se houver qualquer informação diferente no sistema, haverá um índice baixo.

Assim, será preciso uma busca de onde partiu a informação errada e de que forma poderá ser corrigida.

  1. Índice de atendimento

Aqui somos informados se nosso estoque é capaz de atender adequadamente as demandas.

Ou seja, através desse KPI sabemos se nosso estoque está com falta ou excesso de unidades.

O setor de compras utiliza muito esse monitoramento, para garantir um nível de estoque coerente com a procura do mercado.

Evita-se assim compras desnecessárias e possíveis desperdícios de dinheiro e mercadoria.

  1. Tempo médio do ciclo de vida do pedido

Através desse monitoramento identificamos o que está causando atrasos nas entregas.

É também conhecido como lead time do pedido.

Ele analisa a partir da ordem de venda até o momento do recebimento da mercadoria pelo cliente.

A importância dos KPIs

Em resumo, os KPIs logísticos são recursos essenciais para avaliar o andamento de processos.

A partir daí, torna-se possível adotar estratégias que realmente contribuam para a otimização dos resultados corporativos.

Se interessou pelo tema e deseja alavancar o seu negócio?

Entre em contato conosco agora mesmo e saiba como podemos ajudá-lo a alcançar os resultados esperados!

Estamos no (13) 3213-6333 ou se preferir envie um e-mail para contato@grupoflipper.com.br.

 

Leia também: Bidding process de fretes.